As crenças são representadas por todas as ideias que você viu, ouviu ou concluiu e acabaram se tornando uma verdade absoluta para você. Tudo o que os indivíduos fazem — a forma como eles pensam, sentem e agem — é resultado de suas crenças.

É justamente por isso que muitas pessoas agem de formas diferentes em situações idênticas.

As crenças são como imãs: você crê em uma verdade e ela se torna real.
Se você crê que a vida é difícil (crenças limitantes), ela se torna difícil. Isso acontece porque você está conectado com essa verdade e a vida te trará situações que sejam compatíveis com esta vibração.

Nós precisamos nos conectar com aquilo que realmente queremos para nossas vidas.

Quando nascemos, somos folhas em branco. Os sentimentos dos pais durante a gestação, as experiências de vida, a educação recebida, o sistema familiar, as ideias transmitidas pelos pais e professores, as interpretações individuais e a convivência com os amigos vão preenchendo essa folha com crenças. Todos os estímulos recebidos na primeira infância ficam registrado nessa folha, que se torna uma lente com a qual o indivíduo enxerga o mundo.

O PAPEL DAS CRENÇAS LIMITANTES E FORTALECEDORAS

Muitas pessoas alimentam crenças negativas, também chamadas de crenças limitantes, sem nem mesmo perceber. Muitas delas foram introjetadas em sua mente, ainda na infância. E estão tão presentes em sua forma de ser, pensar e agir, que passam realmente despercebidas.

Porém, nem tudo que lhe foi dito é verdade, ou seja, as suas crenças limitantes podem ser modificadas e substituídas por crenças fortalecedoras e positivas.
Para que esta mudança realmente ocorra é preciso fazer uma autoavaliação do seu MODELO MENTAL, buscar entender quais são as origens de sua forma de pensar. Para isso, algumas reflexões são importantes.

Responda sinceramente:

  • As crenças que você alimenta são suas ou dos seus pais?
  • Faz sentido para você mudar alguns pontos de sua mentalidade atual?
  • Faz sentido incorporar crenças fortalecedoras e deixar para trás o que sabota você?
  • Aliás, quais são as ideias e atitudes que mais minam os seus resultados pessoais e profissionais?

Todos estes questionamentos são essenciais para entender qual é o seu estado atua, para compreender o que é autossabotagem. E ressignificar crenças limitantes e para trazer novos insights em relação às suas relações: sociais, interpessoais, afetivas, financeiras, familiares, profissionais e tudo mais que seja importante para você.

Crenças limitantes

DICAS PARA FORTALECER SUAS CRENÇAS POSITIVAS

  • Mantenha sempre o foco no positivo;
  • Desenvolva e semeie o seu amor próprio;
  • Acredite em si mesmo (talentos, competências, habilidades, potencial);
  • Reconheça seus bons resultados e aprenda com seus erros;
  • Acredite em seu merecimento e aprenda a receber;
  • Alimente pensamentos e sentimentos positivos;
  • Tenha sempre foco e determinação;
  • Seja uma pessoa forte e resiliente;
  • Desenvolva sua inteligência emocional;
  • Aprenda a ressignificar e contar uma nova história da sua história;
  • Aprenda a perdoar outro e a ser perdoar e siga em frente.

Aproveite estas dicas e coloque suas crenças fortalecedoras num lugar de destaque em sua vida. Assim terá uma autoestima mais elevada, mais qualidade de vida nos aspectos pessoal, emocional e profissional, como também a motivação que você precisa para conquistar seus resultados extraordinários!


Graça Almeida
Graça Almeida

Palestrante Motivacional, Coach, Mentora, Terapeuta Holística e Consultora em Registros Akáshicos.

    2 replies to "O QUE SÃO CRENÇAS LIMITANTES E CRENÇAS FORTALECEDORAS"

Leave a Reply

Your email address will not be published.